Pesquisar este blog

Carregando...

domingo, 17 de julho de 2011

Sobre Felicidade e Recomeço

Pela primeira vez, depois de muito tempo, me sinto realmente feliz. Algumas coisas, que eu sempre busquei, estão acontecendo e definitivamente percebo que não apenas virei uma página da minha vida, mas que comecei outro capitulo, outro livro e estou escrevendo em outros cadernos. Sempre valorizei uma relação afetiva e grande é a minha surpresa em perceber que o melhor momento da minha vida está sendo sozinho. Estou bem comigo mesmo.

Algumas pessoas passaram por minha vida, todas de forma distintas. Umas não ficaram por questões alheias a minha vontade e outras simplesmente porque aquele não era o meu momento. Depois de ficar triste por conta de não ter rolado nada com o rapaz dos posts anteriores (aqui, aqui e aqui), me senti extremamente bem. Pela primeira vez, depois que terminei o meu relacionamento com o Douglas, estava me sentindo livre de verdade, estava sofrendo por outra pessoa. Pela primeira vez, em um ano, doeu de verdade e confesso que isso foi muito bom, sentir essa dor de novo, por outra pessoa.

Mesmo não estando mais em minha vida e sem pretensões alguma de entrar, credito ao Douglas os melhores e muitos dos piores momentos da minha vida nos último oito anos. Passei momentos muito bons com aquele cara e reconhecer isso, sem dor, sem peso, sem rancor e ainda com muitas pendencias entre nos a serem resolvidas é algo que eu considero louvável.

A vida caminhou, o rio mudou o seu curso e alguns desaguaram no oceano. Tsunamis aconteceram e terremotos destruíram várias partes da minha vida. Me levantei, reconstruí meus pilares, respeitando as minhas origens e aqui estou, pela primeira vez assumindo e reconhecendo que estou pronto para outra, para todas as novidades que a vida possa me presentear.

Sinto-me como a música “Oração”, da Banda Mais Bonita da Cidade. Sinto-me em transição, alegre, querido, sozinho, unido e feliz. Sinto-me com o coração aberto, coração que cabe absolutamente tudo, coração que está pronto para continuar. Acrecito que isso é coisa de Saturno, ele definitivamente concluiu o seu curso e estou livre para viver. Vou aproveitar e colocar tudo o que cabe dentro do meu coração.

9 comentários:

FOXX disse...

que bom qrido
q bom q vc está partindo para novas vitórias...
fico feliz

Bia Sousa disse...

SÓ N AMEI MAIS O POST POR CONTA DESSA MÚSIC QUE "TO GARRANDO UM ÓDIO" DE TANTO OUVIR... hrshrshr... Fique bem, meu querido. Todos aprendemos a deixar partir, né? E a deixar espaço para o que é bom... DEsejo-lhe sempre isso: a recuperação após os desastres que modificam a vida! Beijo.

Solyni disse...

Que sua vida continue nesse brilho*-*
Beijos

Marcos Freitas disse...

Bia,

Não sabia que essa música estava já nas paradas de sucesso. Eu adoro.

Anônimo disse...

http://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/945317-globo-corta-cenas-e-bandeira-gay-de-insensato-coracao.shtml

A sociedade brasileira é conservadora e profundamente homofóbica e com certeza isso acabaria acontecendo. A Globo é vista em todo o Brasil e a visão que se tem de certas coisas no eixo Rio/São Paulo é excessivamente liberal para o restante do país que é muito atrasado e preconceituoso. Veja que no interior de São Paulo pai e filho foram brutalmente espancados por terem sido confundidos com um casal gay. O Movimento LGTB precisa repensar como vai se expandir pelo interior do Brasil, pois é aí que residem todas as formas de discriminação!!!

Anônimo disse...

O que eu quis dizer no comentário anterior é que o Movimento LGBT precisa pensar numa forma de atuação no interior do Brasil em todas as suas regiões e não apenas ficar concentrado nas grandes cidades, pois os habitantes do interior brasileiro crescem com uma formação homofóbica e preconceituosa. E estas ações precisam contar com o apoio do poder público em todas as suas esferas!!!

Leo Carioca disse...

Fico feliz por você.
E a vida segue.

Anônimo disse...

Força... Este seu post é uma lição de vida , de como é possível dar a volta por cima e "crescer"...

kandando forte!

DeLuanda

Anônimo disse...

Olá,Marcos, hj eh a primeira vez que acesso seu Blog, admito que estou impressionado com o conteudo, e conteudo de nivel que eh bem dificil de encontrar. Com respeito ao seu "post"do dia 17/07/11 achei DEMAIS, vc transcreveu muito dos sentimentos que se passam em mim neste exatomento... abraço, sucesso, paz e amor.Segue meu e-mail - caradeboa_31@live.com