Pesquisar este blog

quarta-feira, 9 de janeiro de 2008

Virada 180º

Fiquei um tempo sem escrever no blog porque não sabia o que colocar aqui, precisa deixar a minha vida dar um último contorno, uma ultima volta e se estabilizar para saber em qual rumo ela iria ficar, hoje posso dizer que minha vida deu uma virada, mas não uma virada qualquer, uma virada 180º graus que me deixou boquiaberto, tudo aconteceu quando eu fiz o que todos me aconselhavam, quando eu segui a minha vida esquecendo por completo o passado, um passado recente que trazia muitas lembranças para minha vida, lembranças boas, porém tais lembranças me faziam sofrer, pois queria vivê-las novamente.

No final do ano o Douglas (na época meu ex-namorado) disse que iria parar de sair de balada, que iria dar um tempo na vida dele, pois a vida de boêmio tinha deixado cansado, depois disso sai umas duas ou três vezes para baladas sem ele e descobri que eu não tinha saco para ficar saindo de baladas, que aquilo não era a minha cara e que saia para ficar ao lado dele, pois ainda o amava e o queria por perto, mas as minhas investidas eram nulas, nada que eu fizesse atraia ele para mim, então decidi tocar a minha vida pra frente e conheci um cara, bonito de 22 anos, simpático, agradável e que se apaixonou rapidamente por mim (confesso que isso me assustou), isso foi bem na ultima semana do ano, acabamos viajando juntos para o sitio de um amigo onde podemos ficar mais tempo juntos e começamos a namorar, quando o Douglas ficou sabendo da noticia ele ficou mal e só ai veio cair a ficha que ele tinha me perdido, que ele me amava...

Naturalmente que eu não gostava do cara que eu conheci, que era apenas uma pessoa agradável e que valia a pena estar ao meu lado e que futuramente essa relação poderia tomar um rumo sério e que o amor poderia brotar, chegou o ano novo, o Douglas me ligou, comentou sobre o meu relacionamento e disse que eu estava certo, que deveria tocar a minha vida pra frente e que ele iria fazer o mesmo, disse que percebeu que gostava de mim, mas que não cobraria nada, que terminar também foi uma escolha dele e que o certo seria eu tentar com outra pessoa, ele apenas pediu um tempo para se acostumar com a idéia, essa conversa aconteceu faltando umas 2 horas para virada do ano, fiquei um pouco triste em saber que estava com uma pessoa e que a pessoa que eu amava descobriu que também me amava e que não poderiamos ficar juntos por motivos obvios, a vida nos mete em muitas trapaças, vai entender a vida... O ano virou, fui à casa do Douglas, dei um abraço nele, desejei feliz ano novo e voltei para ficar com a minha família, depois fui ao encontro do cara que eu estava ficando/namorando e o trouxe para a minha cidade e fomos à casa de uma amiga, essa amiga queria cumprimentar o Douglas, nos fomos lá e lá o Douglas me viu pela primeira vez com outra pessoa, não percebemos que ele ficou chateado, pois era virada de ano, estávamos eufóricos e um pouco bêbados, mas ele acabou pedindo para a minha amiga para irmos embora sem que eu percebesse, minha amiga me chamou para ir embora e fomos para uma cidade vizinha...

Na cidade foi tudo muito legal, demos muitas risadas, fizemos coisas engraçadas, enfim, era virada do ano e tinham muitas pessoas na rua, pessoas felizes, se confraternizando, mas o Douglas não estava bem, ele saiu de casa para me procurar, para dizer que eu não tinha o direito de ter levado aquele cara na casa dele, que eu fui cruel e mal, enfim ele só conseguiu me encontrar as 9 da manhã, já estava na cama, ele me ligou e pediu para ir conversar com ele, fui, ele me disse palavras duras, falou que o que eu fiz era imperdoável e que eu tinha morrido pra ele, fiquei chateado, e fui na casa de uma amiga, nisso a minha família ficou preocupada, pois eu demorei, não levei celular e disse que já voltava, minha família ligou para o Douglas que já estava dormindo, mas ele também, não sabia onde eu estava, meu pai, minha irmã e o Douglas saíram para me procurar (isso porque eu tinha morrido pra ele, mas na hora da raiva falamos coisas absurdas), acabei chegando em casa junto com meu pai, que falou umas boas para mim, disse que eu estava andando com más companhias, que eles achavam que eu estava envolvido com drogas e que eu tinha que mudar o meu comportamento, enfim, tudo que ruim resolveu acontecer bem no primeiro dia do ano, fui dormir chateado...

De tarde o cara que eu estava ficando veio para Arujá, apesar do pouco tempo que passamos juntos, tudo o que aconteceu foi muito intenso, nisso o Douglas me ligou pedindo desculpas, falando que eu errei em ter levado o cara lá, mas que ele também cometeu alguns erros, eu disse que tudo bem, o desculpava, mas continuei com a minha vida, o Douglas começou a me seguir, a me ligar muito, cheguei a ficar mais de uma hora no celular com ele, ficou uma situação insustentável, então eu cheguei nele e disse que o amava e se ele sentisse o mesmo por mim era para ser claro, objetivo que eu faria o que teria que ser feito para ficar com ele, ele disse que sim, que queria ficar comigo, acabei terminando com o cara que estava conhecendo e voltando para o meu ex.

Hoje parece que estamos vivendo um sonho, depois de quase 6 meses separados reatamos um namoro de quase 5 anos, estamos felizes, apaixonados, mais apaixonados do que quando nos conhecemos, as vezes temos que sentir na pele a dor da perda para percebermos o que é importante para nos, estamos nos vendo com freqüência, estamos namorando muito, enfim, eu sofri muito com o rompimento desse namoro, amo esse cara e nunca escondi isso de ninguém, estou feliz por estarmos juntos novamente, mesmo levando em consideração que a reaproximação foi um tanto inusitada e cheias de confusões, encontros e desencontros, hoje sei que o amor é um sentimento que ter que ser alimentado diariamente para que ele nunca morra, estamos tomando esses cuidados para não perder pela segunda vez a pessoa que eu tanto amo.

7 comentários:

Anônimo disse...

#by rotiV# nossa q história louca...
apesar de todas as adversidades o legal foi q vcs reataram...
espero q vcs sejam ainda mais felizes... q dê tudo certo!
Abraço!

Fantôme disse...

Desculpa o comentário, mas esse namoro parece mais trama de novela, cada hora tá de um jeito. Ele fica falando que terminou, que você morreu pra ele, mas quando te vê com outro já corre atrás. Difícil, não acha? Mas se vocês voltaram mesmo, pra valer, e não apenas por medo dele ficar sozinho, felicidades para vocês e que dessa vez dure.

só tretta disse...

engraçado, como sua história parece com a minha...
Só que com o meu namorado atual. a gente termina e volta em 24h, o máximo de tempo que conseguimos ficar separados ( terminados, rss) foi 15 dias, aí ele me ligou.
Meu ex-marido correu atrás de mim até cansar,agora está tentando se reaproximar, mas não dá ele é muito atrapalhado preguiçoso...

Felicidades pra vc com o seu amor.

um super beijo

Paloma disse...

Muitos Parabéns!! Estou feliz por você, acompanhei seu sofrimento.. foi dor demais que você sentiu quando terminaram.. gostava de ver você agora, pra acreditar ainda mais no amor.

Muitas felicidades para os dois!!

Nina disse...

Minha felicidade depende da sua...fico feliz com o sucesso e as conquistas dos meus amigos... vc nem imagina como estou feliz por vc ter conseguido o seu amor de volta...
Muitos beijos

Rick disse...

Acho que a virada não foi de 180 graus mas sim de 360 graus. Você rodou e acabou na mesma direção. Isso de casais que se separam e falam poucas e boas do outro e depois voltam a viver aquele romance eterno e idílico fica parecendo música da Alcione. Acho que você perdeu uma oportunidade de dar uma virada na sua vida. Conhecer alguém novo. Rasgar as fotos antigas e olhar para a frente.

alanisson disse...

Meu Deus, que história!
Garoto, seja feliz hoje, porque eu sei que você aprendeu a lição: a vida sempre vai continuar!
Um forte abraço!