Pesquisar este blog

terça-feira, 13 de maio de 2008

Existem héteros de mente aberta ou gays de mente fechada?

Recentemente Ronaldo Nazário, ou Ronaldo o Fenômeno como é mundialmente conhecido se envolveu em uma tremenda saia justa com travestis no Rio de Janeiro, de lá para cá todos os programas da mídia impressa e falada noticiaram a vida e o cotidiano de travestis no Brasil, ficamos sabendo que o Brasil tem o maior contingente de travestis do Mundo, que não existe nenhuma pesquisa para detectar-se quem são essas travestis, quais sãos suas necessidade e anseios, coisa que já era previsível, pois o poder de representatividade no Brasil não ampara nenhuma das iniciais da sigla GLBTT, estima-se que tenha na cidade de São Paulo em torno de 30 mil travestis e 6 mil no Rio de Janeiro. Um grupo desse tamanho não tem representatividade nas políticas públicas por falta de liderança, porém temos um outro problema, gay não vota em gay, ou seja, gays não são representados e não têm direitos assegurados, apenas deveres, porque querem, o exercício de cidadania geraria a liberdade social para os gays do Brasil.

A Revista Época dessa semana publicou uma reportagem que tem como tem o cotidiano da vida das travestis no Brasil, na reportagem a travesti Márcia afirmou para a revista que seus clientes são héteros de cabeça aberta, não concordo com a posição da travesti, e argumento com os dados da reportagem dado pelo antropólogo Don Kulick que conta que fez um levantamento com travestis em Salvador, e segundo a tiragem amostral que ele pegou, 27% dos homens que procuram as travestis, procuram para serem passivos, bem sabemos que gays puro sangue como o Léo Carioca, o Jean, o Douglas (meu namorado) e eu, não procuramos travestis pra nos satisfazermos sexualmente, travestis são procurados por héteros, e homem hétero que é hétero de verdade não gosta ou não deveria gostar de ser penetrado, a meu ver, homens que saem com travestis são héteros mal resolvidos, são bissexuais que não querem assumir sua sexualidade, são pessoas que se reprimem, e acham que ficar com uma travesti, com uma mulher de curvas avantajadas e com algo a mais, os eximem de serem gays ou bissexuais.

Já a travesti Flávia que é casada e mora no centro de São Paulo disse que 9 de 10 clientes que ela atende querem ser penetrados, ela afirma que uma travesti que não é bem dotada não adianta ir para as ruas, pois dinheiros ela não ganhará dinheiro. Para mim a definição de gay é: “Gay é o indivíduo (homem ou mulher) que sempre atração por pessoas do mesmo sexo”, levando em consideração que sexo na sua definição mais genérica é o órgão sexual, pênis ou vagina, logo, um indivíduo que sente atração por travestis é gay ou bissexual, e isso se confirma quando boa parte dos cliente procuram o travestis para sentiram o prazer de um corpo feminino com algo a mais penetrando neles.

Não concordo quando dizem que um homem que sai com uma travesti é um hétero com a mente aberta, a meu ver ele é um gay ou bissexual com a mente muito fechada, pois pensam que só pelo fato de estarem saindo com um individuo biologicamente masculino, mas com um corpo feminino não são gays, tais indivíduos são tão gays quanto qualquer outro gay.

E você, o que pensa a respeito, você acha que homens que saem com travestis são heterossexuais de cabeça aberta?

Entre no Yahoo! Respostas e responda essa questão, ou veja a opinião de quem já respondeu.

13 comentários:

BinhoSampa disse...

Olá, vamos a sua pergunta. Eu tenho uma frase que é: "Todo o mundo é gay, até que me provem ao contrário." e "Não existe homem (hétero) difícil e sim mal cantado". Pois todo homem tem o seu lado gay.

O que fazem eles procurarem um travesti talvez seja a vergonha de entrar num motel com um homem ou mesmo sendo visto com um, ao contrário que com um travesti (passará por mulher)

Enfim, quando eles tomam coragem corram atrás de outros homens.(rs)

Abs

Enfim,

T.E.A.G.O. disse...

sem opinião sobre esse assunto.
mas concordo com razi

EscOrPiAnO disse...

Gosto de vir ao seu blog pois me inspira varios post´s!rs
Bom axo que na veradade não existe um homosexualismo em si!
Pois um gay(H) na verdade é uma mulher aprisionada ao corpo de um homem, mas tem desejos e necessidas de mulher, então a atração naturalmente é por homem, é logica muitos enganam beim, mas axo ke isso não é nada mais que a necessidade de adaptação ao meio em que se vive, a sociedade em que estamos inseridos.
Já o travesti na verdade, é o subto desejo de ser mulher, e o homem ke procura um travesti quer mascarar o desejo contido nele, o desejo por homem, seja sendo ativo ou passivo!


teh mais

RICARDO AGUIEIRAS disse...

Nossa, quanta bobagem disse esse "Escorpiano" aí... desde quando gay é "mulher aprisionada em corpo de homem"??? Acho que nem a minha bisavó pensava mais assim...risos...
Bom, concordo muita coisa do que disse no seu belo texto, Passageiro, e discordo de outras. Não sei se é possível falar que um "gay que sai com travesti é um homossexual de mente fechada". Acho que isso pode ocorrer, simn, mas acho que também existem fantasias e desejos e acho o amor por uma travesti tão válido quanto qualquer outra forma de amor. Se eu fosse partir do seu raciocínio, eu iria concluir que as travestís são um "erro" em si, usadas por pessoas que não se resolveram ainda. Ora, uma pessoa pode ser muito bem resolvida e sentir um baita tesão por travestí. Claro que entendo que, o que você quis dizer, é o quanto o enrustimento gera posturas falsas e tristes como as que você cita. Mas acho que toda a forma de amar é justa e possível. E claro, também, que nunca sociedade que valoriza tanto a heterossexualidade, até em publicidade de batata frita, tanto a travestí como o cara que a procura tentam no seu imaginário se iludirem pensando que são heterossexuais e ela que tem um homem heterossexual ao seu lado, o que nunca foi verdade. Na hora em que o mundo for mais livre e menos preconceituoso eu penso que essas confusões e infelicidades acabarão. Um beijo do seu admirador,
Ricardo
aguieiras2002@yahoo.com.br

Blog do Jean disse...

Que assunto complicado (rs), cada um tem uma maneira diferente de ver essa situação... na minha opinião travesti é como se fosse uma "mulher" jamais vou fazer sexo com uma, vejo nela a imagem de uma mulher. Já ouvi muitos comentarios de travestis dizendo que os homens que saem com elas não curtem gays que se veste como homens (meu caso, o seu e de vários), eles querem alguém com a imagem de mulher, mas com o brinquedinho (rs)...
Será que fui claro!
Bjs...

Cara Normal disse...

Eu não sei, eu não acho travesti muito legal.. Posso não opinar?

Paris Naked disse...

o q importa q meu * é poético. thanks.
Qto ao seu post, bem, outro dia li a crônica do jabor sobre o assunto(http://jg.globo.com/JGlobo/0,19125,VBC0-2754-321032,00.html.) Confesso q antes disso, era reticente aos travecos. Hje os vejo como vc vê meu *, com poesia, rs.

Marco disse...

Concordo contigo. Homem que gosta de pinto no c* nao pertence ao meu conceito de hetero, mesmo que seja o pinto de uma trava. Abs.

Râzi disse...

Duas coisas que vc citou que me chamaram a atenção.

Sobre travestis serem procurados por héteros. Não creio. São gays, sim. O problema realmente é a aceitação! Eles tem tantos problemas para se aceitarem que preferem se designar como "héteros de mente aberta"... e eu já conheci criaturas assim! Quem querem um piroca entrando firme mas não querem pagar o ônus de sua posição. Querem o melhor dos dois mundos. Na frente, são pais de família respeitáveis.. e por trás... uma rola grossa e quente!

E vejo isso acontecer também com os gays jovens. Quando eles se desenvolvem sem tantos grilos, é normal que eles se definam como bissexuais (não acredito em bissexualidade! Eu sou gay, casei e tive um filho sem deixar de ser gay!!) e depois, conforme vão tomando segurança, se definem como gay. Outros, por motivos variados, não aguentando a barra, viram os "héteros de mente aberta", ou seja, gays mal resolvidos!

O outro ponto é justamente o que define um gay! Vc colocou explendidamente a citação "Gay é o indivíduo (homem ou mulher) que sempre atração por pessoas do mesmo sexo" ! É isso que define, ponto!!!

O que mais vemos são as pessoas dizerem que fulano ou beltrano saiu com um homem, mas que não é gay, porque comeu... e desde quando atividade (de ser ativo) é sinal de heterossexualidade??? É justamente por isso que se procura um travesti! É mais fácil se enganar sendo enrabado por uma "mulher" do que por um homem!

E sim, eu acredito na heterossexualidade, porque não acreditar nela, seria o mesmo que dar direito aos héteros de não acreditar na homossexualidade! Seria fortalecer o que muitos dizem, que ser gay é opção ou simplesmente falta de vergonha na cara!

Mesmo que vc case, tenha filhos e nunca esteja com um homem, se vc deseja outro homem, se baixa fotos na internet e se masturba pensando neles, vc é gay!

Muito gente se baseia na capacidade de fazer sexo com mulheres para arrotar uma pretença bissexualidade. Eu fiz, e sou gay, e prefiro ser passivo. Então porque fiz? Porque amava a mulher com quem me casei. Poderia viver a vida toda do lado dela sem fazer sexo, porque o que queria era o interior, mas fizemos, porque era bom e nos satisfazia! Mesmo gostando de homens, fui fiel por nove anos. Mas nunca me disse hétero ou bissexual. Porque a atração por homens continuava!

Ai, já falei demais! HJahauhuahuahauauha!

É isso!
Abração!

Leo Carioca disse...

Uma coisa que a gente percebe com bastante clareza é que o preconceito contra um homem afeminado é ainda maior do que o preconceito contra o contato sexual entre pessoas do mesmo sexo.
Quanto mais afeminado o homossexual for, mais preconceito ele sofre.
E como o travesti é o mais afeminado possível, é sem dúvida ele quem recebe o maior preconceito social.
Quebrar o preconceito contra os travestis é muuuuuito mais difícil ainda do que quebrar o preconceito contra o homossexual de comportamento mais masculino.

Rodrigo disse...

Eu penso assim, eu sou gay mas nao sairia com travesti, mesmo sabendo que é homem. Nao acredito que todo homem que sai com travesti é gay ou bissexual, pode ser só uma fantasia. Acredito que para a pessoa ser gay ela em que se sentir atraida sexualmente, afetivamente e emocionalmente pela pessoa do mesmo sexo.
É sempre aquela mesma história, homem que sai com travesti é gay, mas gay só gosta de hétero machao, isso é controverso, nao é?

Alberto Pereira Jr. disse...

sei la viu..
mas realmente homem que sai com travesti, mesmo que não quiser ser penetrado quer ter o prazer transando com um homem caracterizado com mulher.. vai ver os rótulos sexuais estejam todos errados e sejamos apenas sexuados.. sem limite para sentir tesão por quem quer (ou que) que seja...

filosofei demais.. hehehe

sei q não me apetece traveco.. hehehe peito de homem é o que me interessa

:P

AVENTURA disse...

Tomei a liberdade de pegar partes de seu texto e levantar o assunto orkut afora!

Gostei muito de suas posições.

Abraços