Pesquisar este blog

Carregando...

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Debate Folha/Uol com os Candidatos ao Governo de São Paulo

Ontem, participei do Debate Folha/Uol com os candidatos ao governo do Estado de São Paulo. Enquanto participava do evento, também alimentava o twitter da @DivTucana e o meu twitter, o @MarcosFreitas81. O evento foi extremamente positivo e novamente Geraldo Alckmin se mostrou o candidato mais capacitado para governar um Estado com a complexidade de um país.

O PSDB e seus aliados mostraram uniformidade, o evento contou a presença de lideranças, de todos os partidos da coligação “Unidos por São Paulo” e o que todos puderam presenciar foi à tentativa covarde de Mercadante e Celso Russomano, de desqualificar o que mais de 69% da população do Estado de São Paulo avaliou como ótimo e bom.

Uma renovação no senado é de extrema importância para a continuidade das políticas públicas no Estado de São Paulo. Nunca tivemos apoio dos nossos senadores petistas e é por esse motivo que temos que eleger Quércia e Aloysio Nunes como os nossos senadores, para que São Paulo, não precise depender de senadores de outros Estados, consciente das nossas necessidades, para a aprovação de matérias e medidas orçamentárias, que os atuais senadores não apóiam em nome de algo que vai contra a cidadania, em nome da oposição. Oposição tem que ser feita de forma responsável, apontando os erros administrativos, e não prejudicando o processo administrativo e os cidadãos.

Nas considerações finais, Mercadante disse que sempre teve vontade de estar no palco do Teatro Tuca, ele esqueceu de mencionar que essa vontade era de estar atuando, pois foi o que o candidato fez, com as tentativas esdrúxulas de desmerecer o que o povo aprova há mais de 20 anos, que é o PSDB frente ao Governo do Estado de São Paulo. O palco do Tuca foi manchado, com a presença de dois atores (Mercadante e Russomano), que ao contrário dos artistas, usam aquele palco para emocionar o público e não para levar a público, mentiras deslavadas, de forma desesperada.

Não existe eleição ganha, não acreditamos em pesquisas, elas tem as suas margens de erros e muitas das vezes é bem mais ampla do que os 2 ou 4% que os institutos de pesquisa divulgam. Mesmo com o Alckmin sinalizando uma vitória no primeiro turno, nos, militantes do PSDB, continuamos trabalhando, para mostrar que podemos mais com menos, pois é dessa forma que São Paulo teve que “se virar”, por conta de um senado de oposição e descomprometido com o Estado de São Paulo.

Um comentário:

FOXX disse...

achei q vc ia falar do debate a presidência...