Pesquisar este blog

Carregando...

segunda-feira, 4 de abril de 2011

O Fim está Próximo

Fim

Eu existo para assistir ao fim do mundo.
Não há outro espetáculo que me invoque.
Será uma festa prodigiosa, a única festa.
Ó meus amigos e comunicantes,
tudo o que acontece desde o princípio é a sua preparação.

Eu preciso assistir ao fim do mundo
para saber o que Deus quer comigo e com todos
e para saciar minha sede de teatro.
Preciso assistir ao julgamento universal,
ouvir os coros imensos,
as lamentações e as queixas de todos,
desde Adão até o último homem.

Eu existo para assistir ao fim do mundo,
eu existo para a visão beatífica.

Murilo Mendes
Um novo alerta apocalíptico chegou ao País com um aviso: o fim pode estar mais próximo do que se imagina. Um grupo cristão dos Estados Unidos, com representantes em Belo Horizonte, está rodando o Brasil para divulgar a tese de que o juízo final está marcado para 21 de maio - e não para 2012, segundo a popular profecia feita pelos maias.

Com propagandas até nas traseiras de ônibus, evangélicos da Family Radio fazem malabarismo com números e datas da Bíblia para garantir que há provas de que o mundo vai acabar nos próximos meses. No Rio, um grupo vestido de branco circulou pelas ruas do centro com placas que alertavam para o fim do mundo. Há semanas, ônibus regulares circulam com os enigmáticos dizeres "21/05/2011: Deus vai trazer o dia do julgamento".

A previsão bíblica foi interpretada pelo americano Harold Camping, responsável pela Family Radio, que tenta emplacar um apocalipse pela segunda vez em sua carreira de profeta. Nos anos 1990, ele publicou um livro em que dizia haver "alta probabilidade" de Cristo voltar à Terra em 6 de setembro de 1994 para julgar os homens. Um grupo se reuniu em uma cidade da Califórnia para esperar o evento.

Em Diadema, uma família de fanáticos religiosos desapareceu desde o último dia 13 de março. Pedro José Dias, sua esposa, Antônia Aparecida Gomes e os dois filhos, Henrique Gomes Dias e Thais Gomes Dias, teriam até rasgado dinheiro e todos os documentos antes de partir para uma viagem em rumo ao arrebatamento.

Pedro se modificou há cerca de seis meses, depois que mudou de religião e teve acesso a um DVD sobre o fim dos tempos. "Convencido pelo irmão, Pedro se tornou evangélico e passou a frequentar cultos na Praça da Sé. Pedro e o irmão não frequentavam nenhuma igreja específica, porém eles estavam lendo muito a bíblia nos últimos dias antes do desaparecimento. O arrebatamento estava marcado para o dia 14 de março às 14h, conforme previsto por Roberto Carlos da Silva, um líder religioso.

Minha mãe costumavc ouvir uma música chamada "Ano 2000", de uma cantora evangélica, a Mara Lima, que diz que não chegaríamos a virada do milênio. Lembro que eu dizia: “Mãe, essa cantora vai passar tanta vergonha”. Estamos em 2011 e acredito que a música “Ano 2000” até hoje causa náuseas na cantora Mara Lima. Não acredito que o mundo irá acabar, mas se eu fosse Deus, já teria acabado com essa palhaçada a muito tempo.

2 comentários:

Bia Sousa disse...

21/05? N eh seu aniversário? rs...

Ah meu... n vou dormir de novo.. é sério... vide:

http://naoligoporqueescrevo.blogspot.com/2011/01/calamidade-publica.html

Leo Carioca disse...

Ih... Agora vai começar a mesma coisa do final de 1999 (quando pensavam que o Mundo ia acabar no reveillon de 1999 pra 2000): aquele monte de cristão fanático se suicidando, aquele monte de gente querendo converter os outros nos ´´últimos dias``...
Mas tudo bem. Depois isso passa. Pelo menos até inventarem outra data apocalíptica.