Pesquisar este blog

Carregando...

terça-feira, 18 de agosto de 2009

Avenida Q

Chega aos palcos São Paulo outro grande musical da dupla de produtores Charles Möller e Claudio Botelho, a adaptação da Broadway “Avenida Q“. O espetáculo conta a história do jovem Princeton, recém formando na faculdade que se muda para Nova York em busca de um sonho, porém sem dinheiro acaba morando na Avenida Q, mas o seu desejo era morar num lugar mais nobre, na Avenida A.

Na “Avenida Q” moram Rod, um rapaz intelectual que vive em conflito com sua sexualidade, apesar de todos os seus amigos pouco se importarem com o tema; Kate Monstra, uma assistente de professora que sonha em construir um mundo mais igualitário para os monstros; Trekkie Monster, um monstro que tem por hobby e profissão as pornografias da internet; Princenton, o recém chegado na rua que tem por objetivo encontrar o seu rumo; Brian, comediante desempregado e marido da Japa Neusa; Nick, sem ocupação alguma e que vive à custa dos outros; Gary Coleman, ex-personalidade infantil e zelador da Avenida Q; Japa Neusa, terapeuta sem nenhum cliente pagante e Lucy De Vassa, relaciona-se com todos os homens da vila, exceto o Trekkie Monster.

O espetáculo é politicamente incorreto e aborda temas contemporâneos como: a homossexualidade, o amor, a descoberta do sexo, o desemprego, a pornografia na internet, entre outros. Como alterego, temos na peça os “ursinhos do mal”, eles dão conselhos do tipo: beba cerveja, brinque de vira-vira, tome essa corda e se mate, entre outros, eles são muito fofos e ficam tristes quando os seus conselhos não são acatados, são figuras que se apresentam como amigas e dão conselhos do mal.

O musical é uma Vila de Sésamo às avessas, não é indicado para crianças menores de 14 anos, pois contém cenas de sexo, comportamentos que beiram a margem da sociedade e palavras de baixo calão, porém, é altamente recomendado para adultos e adolescentes, por tratar questões existências de forma tão objetiva e passar a mensagem de que apesar dos problemas e “da merda” que nos encontramos, na vida, sempre encontramos o nosso “rumo”, sempre há uma saída para os problemas da vida.

Serviço:

Avenida Q
Local: Teatro Procópio Ferreira
Endereço: Rua Augusta, 2823
Horários: quinta a sábado, às 21h; domingo às 19h
Telefone: (11 3083.4475
Classificação etária: 14 anos
Duração: 2h20 com intervalo
671 lugares
Preços: quinta: R$ 70,00; sexta e domingo: R$ 80,00; sábado: R$ 90,00

2 comentários:

FOXX disse...

é né?
vamos juntos?

André Mans disse...

os caras são feras
e pretendo muito ir