Pesquisar este blog

domingo, 30 de novembro de 2008

III Parada Gay de Guarulhos

Hoje (30/11) aconteceu a III Parada Gay de Guarulhos, com o tema "Viva, Ama e Seja - Homofobia não combina com Democracia". Há dois anos participei da primeira edição do evento, confesso que houve um progresso significativo. Na primeira edição tinham algumas centenas de participantes, e a organização contava com um trio elétrico pequeno. Hoje havia aproximadamente sete mil participantes, um trio pequeno e um grande. Houve atraso de quase duas horas para o inicio do evento – um erro inadmissível, pois sabemos como o transito é prejudicado com tais eventos. Na hora da largada alguns militantes se manifestaram com palavras de ordens, e evidenciaram a necessidade de aprovação imediata da PLC 122 e de uma lei que está engavetado na Câmara Municipal de Guarulhos. Se a lei for publicada, colocará a Parada Gay de Guarulhos no calendário oficial do município.

A concentração do evento foi em frente ao PoupaTempo. Deixei o meu carro no Wall Mart, há uns dois quilometro do evento. Imaginei: Deixo o carro mais próximo ao centro, e quando acabar a parada, o local do estacionamento estará próximo. Mas o evento caminhou no sentido contrário, não caminhou para o centro da cidade (o que seria óbvio). A parada acabou saindo da cidade, indo para um lugar sem visibilidade alguma. A via que estava acontecendo o evento tinha uma ótima visão para a Dutra, isso gerou lentidão na rodovia devido a curiosidade dos motoristas. Se a parada caminhasse para o centro da cidade, seria evitado o transito na Dutra, e aumentaria a visibilidade do evento na cidade. As paradas acontecem para conscientizar a comunidade quanto aos direitos do cidadão homossexual, e essa conscientização só virá com a visibilidade do evento.

Quando se aproximaram do local da concentração, o público foi informado que a festa continuaria dentro de um clube. Foi organizada uma festa, e para entrar no evento, o público tinha que adquirir um ingresso no valor de 10 reais. Em nenhum momento isso foi informado nas faixas que divulgava o evento, a omissão dessa informação soou como um grande oportunismo por parte dos organizadores da Parada, representados pelo Movimento Mel.

Infelizmente muitas paradas estão surgindo pelos quatro cantos do Brasil, e muitas estão se esquecendo que do intuito do manifesto, que é a luta dos direitos humanos. A Parada de Guarulhos teve um tom totalmente comercial e oportunista, e, com esse apelo comercial, nos distanciamos cada vez do objetivo principal, que é a conquista dos direitos humanos para o cidadão LGBT. Porque a grande festa foi apenas para quem desembolsou os 10 reais? As Drags envolvidas no evento não eram militantes? Espero que a Parada de Guarulhos ganhe outra tonalidade para o ano que vem, e que façam militância de verdade, e não uma parada com o intuito de levar sete mil pessoas para frente de um ginásio, e na porta do ginásio informar que a entrada está condicionada ao pagamento de um ingresso.

Concurso Cultural – A Guerra de Clara

Quer ganhar de presente o livro “A Guerra de Clara” de Clara Kramer? O Blog Passageiro do Mundo em parceria com a Editora Ediouro lhe dá esse presente. Para isso, basta responder a pergunta abaixo nos comentários do post “A Guerra de Clara”. A melhor resposta receberá um exemplar do livro em qualquer lugar do Brasil.

Você arriscaria a sua vida para salvar a vida de um refugiado de guerra?

As respostas serão aceitas até a meia-noite do dia 5 de dezembro. A melhor resposta será divulgada no dia 8 de dezembro, abaixo da resposta é necessário deixar um endereço de email para contato.

3 comentários:

VIADAGEM E A TRANSGRESSÃO POÉTICA disse...

Um absurdo1 Concordo com você em tudo. Ora são denuncias de partidarismos sugando o Movimento , ora desvio de verbas, ora apenas a preocupação com lucros e não com direitos. É extremamente necessário se investigar o por que de tudo isso e mudar o cunho dessas coisas que estão minando o MHB.
Beijos
Ricardo
aguieiras2002@yahoo.com.br

Tiago Guidotti disse...

Essa questao da parada aconteceu, eu estava la e pude presenciar...
Fiquei passado !!!
Onde ja se viu cobrar por um show apos uma parada.

Bjos e arrasando sempre neh !!!
Visitem o WWW.GHITS.COM.BR

Serginho Tavares disse...

infelizmente as paradas estão todas assim faz tempo
político so aparece pra se eleger. o povo so quer causar na rua e o principal que seria a conscientização nem existe mais...

adorei seu post
como sempre perfeito