Pesquisar este blog

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

EduCanadá

Neste sábado e domingo (13 e 14 de setembro) aconteceu em São Paulo a feira EduCanadá. A feira tem o intuito de promover o intercambio estudantil entre o Brasil e Canadá, e o interesse é grande, pois existem até um escritório em São Paulo patrocinado pelo governo Canadense para orientação sobre o assunto, é esse escritório que promoveu a feira. Além deles, ainda temos um escritório que trata de assunto referente à província de Québec, antigamente os interessados em imigrar para o Québec tinha que tratar com o escritório argentino, hoje temos um escritório no Brasil, isso prova o interesse do Canadá para incentivar a imigração brasileira.

Cheguei à conclusão que é mais barato estudar francês que Québec do que na Aliança Francesa, para ficar fluente na língua aqui no Brasil temos que desembolsar em média 15 mil reais e 5 anos da nossa vida, no Canadá desembolsaríamos em média 10 mil dólares e 5 meses da nossa vida, se convertermos isso em reais, gastaríamos em média 3 mil reais a mais, ou seja, economizaríamos tempo, e tempo é dinheiro. O grande empecilho para fazer uma faculdade Canadense, é o fato de não existir mensalidade, lá as faculdades são pagas anualmente, algumas faculdades dividem a anualidade em 3 vezes, um curso universitário custa em média 10 a 15 mil dólares, mais uma média de 10 mil dólares para se manter despesas adicionais, como moradia, telefone, seguro saúde, entre outras.

No Canadá estudantes não podem trabalhar, porém, em alguns casos existem estágio remunerado, a carga horária desses estágios não podem ultrapassar 20 horas semanais, comparando com o custo que uma faculdade gerará, esse dinheiro tem que ser considerado um dinheiro extra, para ir a algum evento, comprar roupas e passear, um estágio paga em média 10 dólares por hora, ou seja, 800 dólares por mês, não dá para manter nem as despesas adicionais, a situação já muda bastante para quem é imigrante, pois imigrante pode cumprir a carga horária de 40 horas semanais, e como não é um estagio, o salário também sobe, profissionais chegam ganhar salários entre 15 a 30 dólares por hora, depende muito da profissão, construtor civil é uma das profissões mais valorizadas no país, eles tem muita deficiência nessa área, assim como nas áreas de nutrição, ciências sociais e odontologia. Dentistas iniciantes tem uma média salarial de 100 mil doláres por ano.

Para canadenses e imigrantes o governo subdisia boa parte do curso universitário, em média 75%, além disso, o governo também faz financiamento estudantil com taxas de juros variando de 0 a 1 % ao ano (assim como o Fies no Brasil, mas aqui os juros são de agiotas). O Canadá está entre os países com a maior carga tributária do Mundo, mas em compensação existe uma contrapartida do governo, como por exemplo, o subsidio estudantil, onde o aluno ganha bolsa do governo e empréstimos, sendo que muitas das vezes, o empréstimo não tem juros, e em alguns casos o estudante tem carência de um ano para começar devolver para o governo o valor emprestado. Espero um dia ver o Brasil nesse estágio, pois os impostos tributados nesse país, são suficientes para isso.

A Feira EduCanadá já passou por São Paulo e Porto Alegre, no dia 18/09 ela chega na capital mineira e 19/09 no capital carioca. A programação do evento pode ser conferida no site da EduCanadá. A feira é dividida por províncias, a mais requisitada é a província de Québec, destino predileto dos imigrantes.

Concurso Cultural - Madonna 50 Anos

Quer saber tudo sobre a vida da maior cantora pop de todos os tempos? O Blog Passageiro do Mundo em parceria com a Editora Nova Fronteira lhe da esse presente, basta responder a pergunta abaixo nos comentários do post “Madonna 50 Anos”, o autor da melhor resposta receberá o livro em qualquer lugar do Brasil.

Em sua opinião, qual fator levou a Madonna tornar-se o maior ídolo da música pop?

Serão aceitas respostas até a meia noite do dia 26 de setembro, a melhor resposta será divulgada no dia 30 de setembro, abaixo da resposta é necessário deixar um endereço de email para contato.

Para maiores informações sobre o livro, acesso o site Madonna 50 Anos.

16 comentários:

VIADAGEM E A TRANSGRESSÃO POÉTICA disse...

Marcos,
Tuas informações sobre o Canadá e o teu texto estão excelentes. apenas tenho uma grande curiosidade e peço a sua ajuda para saber a resposta: por que um idoso não pode migrar, também? No mundo inteiro cresce a participação de idosos, inclusive no mercado de trabalho, já que, com as melhorias da Saúde Pública, saneamentos e estudos científicos, estamos vivendo muito mais. E um idoso pode, também, contribuir com muita coisa. Veja você; Eu escrevo e estou me desenvolvendo como roteirista. Arte envolve um monte de coisas, por que não poderia ter uma chance , só por causa da minha idade?
Enfim, essa é a minha curiosidade. Se puder me informar...
Beijos,
Ricardo
aguieiras2002@yahoo.com.br

Marcos Freitas disse...

Ricardo,

Como você sabe, ontem eu participei de uma palestra sobre imigração, tais informações eu tenho, e sim, um idoso pode ir para o Canadá, porém o governo dá preferencia para os mais jovens, pois o país está ficando cada vez mais idoso e eles precisam de mão de obra (qualificada) para dar continuidade no crescimento sustentável do país, prova que o governo concede imigração para as pessoas foram da faixa de 20 a 35 anos, é o fato da Mariana ter conseguido imigração.

Semana que vem, ou ainda essa semana, farei um post sobre esse tema.

tiozinho disse...

Caro (novo) amigo!
Como ja bem dissemos, nada é por acaso.Destino.
Muita sorte falar com vc ontem e ontem mesmo ser o EduCanada aqui em Porto Alegre.
Valew, mesmo, pela dica.
Quem sabe a gente não se visita la no Canadá, não é mesmo?

bj pra ti
=)

Serginho Tavares disse...

esse pessoal indo embora...
sei não viu?
baixem o fogo e vamos todos morar numa república no tatuapé!
beijos!

ps: adorei as dicas...quem sabe...hehehe

Clebs disse...

Já visitei o Canadá 2 vezes. É um lugar incrível e civilizado...Não teria o menor problema de me mudar pra lá e é por isso que eu tenho interesse de ir na feira, já havia até feito o cadastro...

Ai...Quebec é lindo, mas o francês deles é horrível !! Não dá para entender nada. Mais fácil falar português mesmo, já que a maior comunidade portuguesa fora de Portugal é em Montreal, mas devo estar enganado.

E eu achava que o lugar mais procurado seria a provincia de Ontario... Toronto é tudo de bom!

Alone disse...

Olá Marcos, td bem!? Obrigado por alegrar meu dia com suas palavras, demorei pra vir aqui ! ótima as informações sobre intercâmbio no Canadá! Tem um amigo que foi para Irlanda e disse que foi a melhor coisa que fez, aprender outra cultura, ajuda na sua vida como ser humano!

Abração ♥

Pavinatto disse...

Querido, parabéns pelo blog de conteúdo.

Estou o adicionando à minha lista de blogs q leio.

Gostaria de manter contato.

Passa na minha página pra tomar um chá de boldo.

Beijos

Talles Borges e Borges Moreira disse...

Nossa, mais ifnormação para a minha cabecinha, haha tou sando sabio daqui viu MArcelo?
Muito bom saber que o Canadá abre as portas para o brasileiro e vice-versa, tenho um amigo que morou la durantes um bom tempo e adorou, quem sabe no futuro, sou eu la no Canadá estudando e ganhando uns extras haha, abraços adorei o post de hj te espero no meu!

TEAGO S. A. disse...

já tenho uma opcão em fazer a minha pos....

Di disse...

Marcos,
Acho praticamente impossível que vc lembre quem eu sou... Anos atrás conversávamos...
eu tinha um BLIG (lembra daqueles blogs do iG?), depois tive weblogger (Lembra daqueles blogs do Terra?)... e depois larguei mão. Mas lembro de vc sempre como Passageiro do Mundo.
Enfim, vou te adicionar no msn, aí é melhor para conversarmos.
Abraços.

O Menino que Voa disse...

gente... que coincidecia. eu estudo frances. Mas faco o SENAC que usa uma metodologia bem parecida com o da Alianca, a um custo BEM mais baixo. Teno aprendido legal e como nao tenho mais idade pra largar tudo e morar fora, vou por aqui aos poucos. Se vc tem essa oportunidade, VAI, Marcos. Vai mesmo! Abreijos.

MANS / ANDRÉ disse...

quero canadá!
queremos ingressos!
e morte à t4f!

" O PIMENTA ! " disse...

Como o amigo aí de cima, acho que a essa altura do campeonato, tbém acho que não tenho mais coragem de ir me aventurar por um futuro fora daqui, sou muito apegado à família, e já passei da idade disso, mas se aos meus 18 eu tivesse essa chance, com certeza não pensaria duas vezes....mas a vida da gente é assim, a maturidade costuma vir depois das oportunidades!! Sábia aquele que se arrisca!!!
abraço querido, e seu espaço aqui como sempre um brinco!!

kinho disse...

oi meu xará lindão


que legal, adoro vim aqui e "ver" a sua animação com este projeto de morar no canadá torço muito por vc e doug arrasarem lá, não sei muito sobre quebéc, só sobre vancouver e montreal, acho que viveriam em algumas dessas porque sei um pouco sobre, mais a que vc deseja não muito posso ser indelicado? e pedir pro sinhôrito ir postando mais sobre a sua já tão amada
QUEBÉC?

bjos
kinho

Klero disse...

meu único problema é que o francês canadense é tãoooooooooooo feio!!!

Fernanda Purchio disse...

Parabéns pelo trabalho Marcos!
Incrível, principalmente em termos de conteúdo. Como diretora do Centro de Educação Canadense, responsável pela realização da EduCanada, agradeço imensamente sua visita e a de todos os leitores que compareceram e se encantaram com as oportunidades oferecidas por lá!
Gostaria apenas de adicionar uma correção - os brasileiros que vão estudar no Canadá podem sim trabalhar, desde que estejam cursando programas do nível superior.
Quem vai estudar idioma somente, não está autorizado a trabalhar, a não ser em programas de estágios como você bem comentou.
Agora que a feira já acabou, todas as dúvidas sobre estudar no Canadá podem ser tiradas em nosso escritório em SP.

Grande abraço