Pesquisar este blog

quinta-feira, 7 de agosto de 2008

Brasil: País de Classe Média! Será?

A FGV apontou através de uma pesquisa, um crescimento da classe média no Brasil, e uma redução da classe baixa, em 2004 46,1% dos Brasileiros estavam na classe baixa, hoje esse numero é de 32,6, consideram-se classe baixa, famílias que ganha abaixo de 1.064, famílias de classe média que ganha entre 1.064 a 4.591, e acima de 4.591 famílias de classe alta, não vejo isso como uma glória para o Brasil, não temos motivo algum para comemorar, e considero essa afirmação falsa e descabida, a classe média tornou-se pobre para mudar as estatísticas desse país.

Se considerarmos a carga tributária de 35,4% que temos no Brasil, veremos que a renda real da “Classe Média” no Brasil está entre 687,34 a 2.965,79, quando analisamos os valores líquidos, veremos que temos muito a lamentar. Uma amiga do Douglas mora na Alemanha, assim como no Brasil, lá a carga tributária também é altíssima, mas lá eles não sabem o que é um plano de saúde ou uma escola particular, os serviços públicos funcionam, o povo não tem que arcar com as responsabilidades do governo, ela contou ao Douglas que uma sobrinha dela se machucou na escola, a escola levou a menina para o hospital e ligou para a mãe da menina, dizendo que ocorreu um acidente e que a filha dela já tinha sido encaminhada para o hospital e que ela não precisava se preocupar, a menina necessitou fazer algumas sessões de fisioterapia, todos os dias uma ambulância do Estado buscava e levava a menina em sua residência. Sabemos que aqui no Brasil nem os planos de saúde fazem isso, a não ser que você pague caro, mas muito caro por isso.

O aumento constante da carga tributária, acarretou o empobrecimento geral da sociedade brasileira, é por conta disso que afirmo que esse crescimento da classe média é falso, esses dados estão camuflados, ofuscados pela gordura gerada pela arrecadação de impostos no Brasil, sabemos que uma família no Brasil não vive uma vida plena com os 2.965,79, que é o teto estimado para uma família de classe média, descontando os impostos, hoje uma escola particular custa em média 800 reais, uma família com três filhos gastaria em média 2.400 reais para manter seus filhos em uma escola com o padrão de ensino minimamente aceitável, sem contar com outras obrigações do governo que somos obrigados a arcar, como seguro saúde, vida, automóvel, e outros.

O “enriquecimento” do brasileiro se deu por conta do crescimento do emprego formal, crescimento que seria ainda maior se não tivéssemos a maior taxa básica de juros do Mundo, e uma carga tributária de 35,4% do PIB, a produção no Brasil é caríssima, sem contar que não oferecemos suporte para isso, não temos mão de obra qualificada, e isso já está sendo apontado pelo economista Marcelo Neri que prevê um “apagão de mão-de-obra”, houve o crescimento, porém ele não é sustentável, não há um trabalho de educação de base no Brasil, e sem esse pilar fundamental para sustentar o crescimento econômico, sabemos que esse cenário apresentado, que enche os olhos de muitos, não passa de um lindo castelo de areia.

Leia Também:

O Brasil Continua na Moda
CSS - Catando o Seu Salário

13 comentários:

Alexandre Lucas disse...

Acho que esses "çábios" não saem dos bairros nobres...

Mans disse...

é... a minha vida tá um pouco melhor.

leandro G. disse...

Correto...

Tem muita coisa que as pesquisas dizem, mas muitas delas escondem a verdadeira situação em que vivemos, ou seja, de que adianta dizer que a classe média cresceu tantos por centos, mas esqueçamos de dizer como esta a classe baixa....

bjs

Paulo disse...

Não vou negar que melhorou um pouco... mas ainda falta muito pro meu salário ficar ótimo!!

abraço!

Elenilson Nascimento disse...

Meu filho, leia o comentário que deixaram lá!

Marcos Freitas disse...

Elenilson Nascimento,

Comentário que deixaram aonde?

Sobre o que?

Leo Lazzini disse...

pra vc..:

http://www.youtube.com/watch?v=KfTovA3qGCs

Uillow disse...

E você sabe que a gente pega pelos erros dos "poderosos" lá, né? Não sabem administrar bem o negócio, então têm que aumentar as taxas de juros, pra gente arcar.

Vi teu blog em destaque na Folha Online ontem! Parabéns!

Abraço!

Fabrizio Ducca disse...

Entre 1.064 a 4.591? Classe mérdia, isso sim.

Marcos Freitas disse...

Leo Lazzini,

Música perfeita, resume com maestria o que a classe média representa no Brasil, um enriquecimento camuflado, como eu citei no post.

Luis Hipolito disse...

O que mais me deixa feliz com a existência dos blogs são artigos como esse que não se vê na grande imprensa, que aceita tudo que os governantes dizem sem contestações. A classe média no Brasil está proletarizada. Os produtos e serviços de toda natureza estão cada vez mais caros. Os valôres apresentados para definir classe média são ridículos. Quem tem rendimentos que pode manter um verdadeiro padrão de vida são os parlamentares. Estes sim, cada vez mais ricos. Parabéns pelo artigo!

Serginho Tavares disse...

o Brasil so não foi a falência porque é muito rico.
um amigo que voltou da europa depois de varios meses disse que existe muito glamour la e muita gente chata e nervosa!

Seven disse...

Somos o país da robalheira, "jeitinho brasileiro" e dos impostos altos, mas é só chegar o carnavel q tudo se esquece. Ótimo texto!