Pesquisar este blog

Carregando...

terça-feira, 3 de março de 2009

O Livro da Bruxa

Comecei a ler “O Livro da Bruxa” no meio de algumas turbulências na minha vida pessoal. Sabia que se tratava de um livro que mostrava as situações do cotidiano e suas diferentes formas de pensar, o que eu não imaginava, é que o livro mudaria por completo a minha forma de encarar os pequenos detalhes da vida.

Temos por hábito sempre encararmos as situações da forma mais pessimista possível. Não somos capazes de identificarmos a beleza genuína de cada momento, que uma situação desfavorável no presente possa estar contribuindo para a queda de um dissabor futuro. Na obra, o autor nos ressalta que o Mundo conspira em nosso favor, mas para identificarmos isso, temos que estar alinhados com a vida, em pela sintonia com a nossa existência.

O livro conta a história de um médico e uma paciente de 86 anos internada com diagnóstico de pneumonia. O médico se surpreende com os resultados positivos nos seus exames, mas prefere manter a internação por conta da sua idade avançada. Em meio a muitos diálogos no hospital e uma inusitada viagem à praia, a paciente passa inúmeros ensinamentos ao seu médico, e chama-lhe constantemente a atenção sobre as diversas formas de encarar uma situação.

A obra me fez recordar do filme “Sociedade dos Poetas Mortos”. Em uma das cenas, o professor de literatura John Keating, interpretado pelo maravilhoso Robin Williams, pede para os seus alunos subirem em sua mesa e verem que o ambiente que eles estavam inseridos poderia ser visto/interpretado de outra forma, por outra ótica. É exatamente essa a proposta contida no “O Livro da Bruxa”, um convite ao leitor para analisar todas as situações vividas, principalmente aquelas mais corriqueiras, que muitas das vezes deixamos passá-las despercebidas.

Dados Técnicos

Nome do Livro: O Livro da Bruxa
Autor: Roberto Lopes
Número de páginas: 128
Formato: 13,5 x 20,8 cm
ISBN: 978-8500-023-231
Editora: Ediouro

11 comentários:

Serginho Tavares disse...

adoro suas dicas de leitura

t.e.a.g.o. disse...

nossa..
suas dicar de livro são massa...
conheci um autor da minha cidade que você falou do livro dele outro dia...
depois passa no meu blog pra ver qual livro eu to falando...

armazemdasandra disse...

Gratidão

Paula disse...

Oi

A partir de hoje estou somente nesse blog:

http://persianaaberta.blogspot.com/

Apareça por lá.

Beijo =)

Arsênico disse...

Deveria ser meu livro de cabeceira...

***

FOXX disse...

sempre boas dicas de leitura, devo acrescentar

Jefferson Righetto disse...

Hum... parece-me bem interessante... vou achar um tempo pra começar a ler esse livro. Realmente estou precisando de algo para me inspirar em alguns momentos de decisão. O interessante é a citação do filme "Sociedade dos Poetas Mortos". Eu assisti ele ante-ontém... hehehe... Mas obrigado pela dica.

roberto disse...

Achei o maximo, esse comentário é importatissimo para mim.......

Guy Franco disse...

Também gosto de Hilaire Belloc

Mister Man disse...

Você quer me matar de susto ou o quê?
(risos)
Nem tenho condições de ler seu blogue hoje.
O que me sobra de energia vou gastar para agradecer, só para agradecer.
Muito obrigado mesmo por tudo, Marcos. Muito obrigado mesmo!
Abraços fraternos,
Mister Man

Alexandre Lucas disse...

Adoro bruxas =D