Pesquisar este blog

Carregando...

sexta-feira, 31 de julho de 2009

Dia do Orgasmo – Um Dia Para Ser Comemorado a Dois e/ou a Três...

Orgasmo, quem nunca teve um? Parece ser uma pergunta boba, obvia, mas hoje em dia são muitos os que têm problemas que envolvem o prazer sexual. Esses problemas afetam principalmente as mulheres. Especialistas apontam que pelo menos 50% das mulheres sofrem pela falta de orgasmo, dificuldade de excitação ou dor durante o ato sexual; cerca de 12 milhões de homens têm algum problema de disfunção sexual e os médicos apontam que uma conversa franca e sem preconceitos, com o parceiro, é o melhor remédio. Vários fatores podem ocasionar a dificuldade do orgasmo, a falta de excitação pelo parceiro sexual é um deles e isso é mais comum do que muitos imaginam.

O dia foi criado por redes de Sex Shop da Inglaterra, como boa parte das datas comemorativas, essa também foi criado por conta de interesses financeiros, porém, não podemos negar que a data gera discussões importantes em torno do tema. Na Inglaterra, o caso é ainda mais sério que no Brasil: lá 80% têm dificuldades para sentir prazer no ato sexual, no Brasil 27,7% das mulheres nunca sentiram um orgasmo, creio que lá, no Reino Unido, o numero é bem maior. A masturbação, o toque, o autoconhecimento do corpo é fundamental para chegar ao orgasmo.

O orgasmo pode ser atingido por estimulação direta ou indireta do pênis ou clitóris. Esta estimulação pode ser causada pela atividade sexual, masturbação, sexo oral, sexo sem penetração, por vibrador ou eletro-estimulação. Qualquer estimulação sexual no pênis ou no clitóris pode, eventualmente, resultar em um orgasmo. Mas este também pode ser atingido pela estimulação de outras zonas erógenas. Na ausência de estimulação física, pode-se chegar ao orgasmo através de estimulação psicológica (como na polução noturna, que é uma ejaculação involuntária que ocorre durante o sono).

Lembro-me até hoje da minha primeira ejaculação noturna. Eu era um garoto ingênuo, não sabia nada referente a sexo e imaginava que o pênis era apenas para fazer necessidades fisiológicas e que minha mãe ficou grávida devido à vontade intensa que ela teve de ter um bebê. Se fosse assim a vida seria muito fácil, e muitas crianças indesejadas não estariam no Mundo. Quando isso ocorreu comigo eu fui perguntar para a minha mãe o que havia acontecido, ela ficou com vergonha e mandou-me ir perguntar para o meu pai, coisa que eu não fiz. Minha família sempre foi muito conservadora devido às heranças religiosas e por conta disso, só vim saber o que tinha ocorrido comigo anos depois.

Infelizmente não sabemos lidar com a educação sexual. Se houvesse uma orientação social nesse sentindo, tenho certeza não teríamos tantos homens e mulheres com dificuldades de terem prazer sexual, conhecer o seu corpo e serem livres de preconceitos. É fundamental para um sexo prazeroso o conhecimento do próprio corpo, mas sabemos que muitas mulheres convivem com o preconceito por serem mulheres, na infância tudo que remete a sexo os pais dizem que são coisas de meninos. As meninas são criadas como bonecas, sem o direito de sanar qualquer dúvida quanto ao sexo. Infelizmente, quando muitas delas tem uma experiência sexual, voltam grávidas para casa, fato que poderia ser evitado se houvesse uma mentalidade aberta para a educação sexual para as crianças.

Curiosidades Sobre o Orgasmo

- A palavra orgasmo vem do grego orgasmós que significa "ferver de ardor".

- O orgasmo tem duração de cerca de 2 a 10 segundos no homem, na mulher a duração do orgasmo é de cinco a dez segundos a mais que o masculino. Em algumas mulheres, já foram medidos orgasmos de até 1 minuto. (Que inveja, eu gostaria de ter 1 minuto de orgasmo).

- Na hora do orgasmo, as paredes da vagina soltam uma descarga de 244 minivolts. Cinco mulheres produzem energia suficiente para acender uma lâmpada de um volt.

- O orgasmo de um coelho dura apenas quatro segundos.

- Na idade média as mulheres evitavam ter orgasmos durante a menstruação. Para que seus filhos não nascessem ruivos. (O que tem haver o c* com a cueca?).

- Kim Cattrall, a Samantha do Seriado Sex and The City, recusou inicialmente o papel na série. Com o posterior sucesso da sua personagem, escreveu um livro chamado Satisfação: A Arte do Orgasmo Feminino.

- A atriz Regina Duarte encenou o primeiro orgasmo na televisão em 7 de Junho de 1979. Ele ocorreu no seriado Malu Mulher. Numa cena de sexo com Mário (Paulo Figueiredo), a câmera focalizou a mão fechada de Regina, que se abriu como num espasmo.

- Em 1593, um inquisidor médico relatou a existência do clitóris pela primeira vez. Ao observar uma mulher acusada de bruxaria, ele descreveu o órgão como o bico do seio do diabo.

- No Brasil, o Dia do Orgasmo é comemorado por alguns municípios em diferentes ocasiões. Vila Velha (ES) o celebra em 31 de março; Esperantina (PI), em 09 de maio. Há também o Dia do Primeiro Orgasmo na TV (festejado pelos cariocas em 07 de junho) e o da Orasmoa (criado pelo Jornal "O Norte On Line" em João Pessoa (PB)).

- Durante a ejaculação, o esperma viaja a uma velocidade de 10 km/h e sai a uma temperatura de 36 graus. Os batimentos cardíacos do homem podem chegar a 150 por minuto no orgasmo. (Quanta emoção!).

- A Sociedade de Cardiologia do Rio de Janeiro constatou que em uma relação sexual na qual se demore 7 minutos para se chegar ao orgasmo, se gasta energia equivalente a uma caminhada de 700 metros feita em 10 minutos. Além disso, o coração de pessoas entre 20 e 35 anos atingem 130 batimentos por minuto no pico do prazer (em repouso, os batimentos giram em torno de 90 bpm). (Levando isso em consideração, vale mais a pena fazer sexo do que caminha na esteira).

4 comentários:

FOXX disse...

quem pode deve comemorar

Paulo Braccini disse...

parabéns pela riqueza do post...

bjux

;-)

Glauco Silva/Glaukito(s) disse...

1 minuto de orgasmo seria mara mesmo...

Data muito sugestiva.
Adoroooooooo,rsrsr

Um ótimo FDS pra vc e ri muito quando vc falou que ficou parecido com uma mariposa quando fez luzes no cabelo..
^^
kkkkkkkkkkk.

Leo Carioca disse...

O orgasmo...
Tem gente que só pensa nele desde que se aproxima da outra pessoa. Também tem gente que nem se foca tanto nele e presta mais atenção no ato sexual como um todo, aproveitando os prazeres de todos os momentos.
Bom, eu fico no meio do caminho, vamos dizer assim.rsrs Depende um pouco da situação, depende um pouco da pessoa que tá junto comigo...
Nunca tive polução noturna, até porque nem sobra esperma o suficiente em mim pra ter isso: eu me masturbo muito!
Mas já acordei ereto milhares de vezes, é claro. Só que isso pode nem ter nada a ver com sexo: pode ser a simples vontade de fazer xixi. Quando a bexiga fica muito cheia, ela projeta o pênis mais pra fora, causando uma ereção involuntária. E muitos de nós acordamos... ´manifestados` por causa disso.
Bom, eu fiz um post sobre a questão da violência sexual contra a criança (que, como você sabe, algumas igrejas fazem o possível e o impossível pra associar a nós) e queria a sua opinião sobre o post.
Quando você puder, dá uma passada lá pra ver?
Até mais! Abração!