Pesquisar este blog

quinta-feira, 3 de julho de 2008

Nasci a Filha do Homem Grávido

Nasceu a filha do primeiro homem grávido, Thomas Beatie um transexual que mudou de sexo há 10 anos deu a luz a uma menina que passa bem, Thomas é casado com Nancy, Nancy tem dois filhos de um casamento anterior e quando se casou com Thomas ela já era operada, não podia mais gerar bebes, a saída foi o seu marido Thomas que fez uma mastectomia para retirar as mamas, mas manteve os ovários, Thomas teve que abandonar os hormônios masculinos para voltar a ovular, o caso da gravidez de Thomas tornou-se publico quando ele escreveu um artigo na revista norte-americana "The Advocate", protestando contra a oposição que encontrava à sua gravidez na família e entre os amigos.

A gravidez aconteceu através de uma inseminação artificial de um doador anônimo, o caso tem gerado muitas criticas de conservadores, mas Thomas afirma que o direito de ter um filho não é masculino ou feminino, é uma necessidade humana, concordo com ele, não é pelo fato de ser gay, um transexual, que a maternidade/paternidade é um obstáculo, também tenho vontade de ter um filho, e vira e mexe o Douglas toca nesse assunto, ele diz que quando nos casarmos ele quer que eu tenha um filho, pais já temos dois (ele e eu), só falta a mãe, isso sim é complicado, achar uma mãe que queria deixar o filho com o pai, minha irmã tem muita vontade de ter um filho, ela também é gay e casada, sua mulher tem uma filha, a necessidade intrínseca de maternidade que minha irmã tem é gigantesca, também tenho essa ânsia com a paternidade. Será se tem alguma mãe dando sopa por ai? Se tiver, me avisem...

9 comentários:

Ex-corpianoo disse...

Olá
estou de volta devagarinhu mais to
hhihihihih
axo super bacana ter filhos, ainda num gosto muito de criança, mas axo ki isso muda qdo o flhoé da gente neh!
bem, axo ke se vc resolver ser pai pelo método tradicional, tera muitas canditadas!hauhuahauhahuahau
mas axo ainda meio complicado, me sentiria culpado se meu filho fosse gay e viese asofrer por isso, nao pelo fato da genetica, mas é comprovado cientificamente que é preciso a figura do pai e da mae na criação, eles precisam dos dois para formação de sua personalidade, e axo que qdo se é pai ou mae vc será resposavel por akele ser pelo resto de sua vida!!!


mas é claro, que deve ser magico


bjOOOo

Ricardo disse...

Não sei opinar muito sobre essa questão de filhos de transsexuais. Me deixa uma pulga atrás da orelha a situação dos filhos em relação aos hormônios...
Fora isso, não vejo problema algum. Lógico.

Eu sinceramente não tenho jeito pra ser pai.
Detesto crianças :P
Então... melhor nem falar nada.

Mas acho muito bonito que alguém queira. Boa sorte pra você cara. hehehe
Papai.

Rhenan disse...

Hj em dia todos os conceitos estabelecidos e conhecidos pelos homens estão sendo rompidos. Não dá para se surpreender mais com nada.

Grande abraço

Rhenan
www.sexpride.blogspot.com

Mans disse...

quero ver a cara da menininha
e até hoje fico abismado com essa história

bj!

Râzi disse...

Rapaz, eu sou pai...e posso te dizer... é algo sem precedentes na nossa vida!

É como se fosse um meteoro do bem que se choca conosco e que mexe no nosso eixo!

Mas é algo a ser muito bem pensado! É contrato pro resto da vida! :D

Beijão!

gatorecifense disse...

Como disse o Râzi é contrato para toda a vida.
Nunca pensei a respeito mas ainda estou na fase do "em busca do namorado" então uma coisa de cada vez. Mas dou total apoio para os gays adotarem as crianças. Tem tantas precisando de um pai, imaginem dois pais ou duas mães?

BEIJOS.

Alberto Pereira Jr. disse...

ainda é cedo, eu nem namorar namoro, mas sei q quero ter um filho ou uma filha.. nao sei se será adotivo.. mas é algo q planejo pra minha vida pós-30 anos..

Leo Carioca disse...

Bom, falando por mim, e exclusivamente por mim, filhos estão totalmente fora de questão: não quero nem nunca quis ser pai.
Mas, em relação aos homossexuais que querem, todos têm o meu total apoio. Se ter filho é uma coisa importantíssima pra pessoa, vá em frente: tenha!
Só é preciso lembrar que filho é uma coisa que você tem que querer muitíssimo ter. Não pode querer mais ou menos. Porque é uma coisa definitiva pro resto da vida, né? Não tem volta.

Anônimo disse...

Seguinte: é, sim , a coisa mais maravilhosa do mundo ter filhos e fico sempre muito, muito impressionada com qualquer tipo de comentário sectarista estando todos no mesmo barco chamado século XXI. Além do que todos deveriam mais é se preocupar em resolver suas próprias questões que já não são poucas pois todo mundo tem a sua sujeirinha guardada embaixo do tapete. Temos mais é que respeitar a experiência e o sofrimento alheios...neste caso, a FELICIDADE do casal que teve que recorrer a um método não natural para terem sua "princesinha". O bebê é lindo e torço para que sejam uma família muito feliz como a que eu tenho, graças à Deus. Babem e invejem!!!! rererererere