Pesquisar este blog

Carregando...

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Homofóbico da Av. Paulista Deve ir a Juri Popular

Jonathan Lauton Domingues, o agressor.
O jovem maior de idade envolvido nas agressões na Avenida Paulista pode ser julgado por júri popular. Na segunda-feira, 29, o Departamento de Inquéritos Policiais do Tribunal de Justiça de São Paulo acolheu o pedido do Ministério Público e encaminhou os autos do inquérito policial do maior a uma das varas do júri.

Na sexta-feira, dia 26, a polícia tinha pedido a prisão preventiva do maior, que não foi apreciado pelo MP. Jonathan Lauton Domingues, de 19 anos, é um dos cinco acusados de agredir quatro pessoas na Avenida Paulista no dia 14 de novembro. Os outros quatro são menores, com idade entre 16 e 17 anos.   Na segunda-feira, o último menor envolvido na violência se entregou à Justiça e ficarão provisoriamente na unidade do Brás, esperando a decisão do Juiz.

Edio Junior, advogado de Jonathan, declarou que seu cliente “tentou apartar a briga”. “Ele é primário de bons antecedentes, esteve presente na delegacia, deu depoimento e, portanto, não pode ser responsabilizado por essa agressão. Não foi ele o autor. O autor está identificado nas imagens, que é de conhecimento notório”, disse o advogado.

A defesa do advogado de Jonathan, contraria o depoimento do segurança da loja que socorreu o estudante Luís Alberto de 23 anos, que disse que Jonathan imobilizou a vitima, enquanto os 4 menores o agrediam. Nas cenas seguintes, podemos ver os cinco jovens correndo e comemorando o ato de violência. Nas imagens de um outra câmera de segurança, mostra os cinco homofóbicos agredindo um gay que esperava um táxi, o que comprova que Jonathan participou das agressões com os quatro menores.

6 comentários:

Tsuyoshi Hatari disse...

Sinceramente, espero que esta criatura apodreça na prisão...
Ajudou a matar o pobre menino e ainda quer dar uma de inocente...
Eu não entendo uma coisa, se se acham tão machos, porque não assumem o "p..." que tem entre as pernas e não assumem o que fizeram?!

Evandro Oliveira disse...

Parabéns pelo Post, acho importante esse engajamento, faço isso no meu blog.
Esperamos juntos por justiça.

http://sabordaletra.blogspot.com/

FOXX disse...

perigo é juri considera-lo inocente!
não duvido nada!

HSLO disse...

É mais do que justo ir a juri popular sim...ele precisa pagar pelos atos praticados.

abração amigo.

Diego disse...

Tambem fiquei contrariado!
Espero que tenhamos um dia, PAZ e igualdade nos direitos!

Como Não Pudesse Acontecer disse...

Vergonha, isso que eu senti!!! Depois descobri que ele é um coitado. Ma sbem que ele merece umas palmadas ele merece...